Inventaku
Olá,

Seja bem-vindo a Inventaku .

Caso queira se registrar, clique em ''REGISTRAR-SE''
Se ja for membro clique em ''LOGIN''.

Agradecemos pela visita.

Boa diversão!!
Inventaku

Onde a Criação não tem limites .

Relogio
Parceiros

Parceiros







Membros mais ativos

Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

#1 SOS Love Spirit (roteiro) em 16/8/2012, 8:11 pm

João Paiva

Usuário Nível 3
Usuário Nível 3

avatar
Yo! Galera! Very Happy

Aqui um roteiro que estou fazendo ( meu 1° de comédia/romântica eu acho =.='), preciso da opinião de vocês. Por favor, analisem tudo! study

Basicamente, é um roteiro de comédia e romance. Segue a sinopse e o Capítulo 1:

Sinopse:
Spoiler:
Takero Hanamura é um estudante de 15 anos que sonha em poder ser relacionar com garotas, sem sentir qualquer tipo de medo ou ansiedade. Para ajuda-lo nesse problema, ele terá a ajuda do fantasma do seu irmão gêmeo Tenshi Hanamura.

Capítulo 1
Spoiler:
Takero (pensamento): Vai lá! Você pode! Você consegue...

Takero (pensamento): Não! Não posso! Realmente eu não consigo...

*Takero no colégio, no intervalo do lanche. Ele olha para Yukiko. A garota dos seus sonhos*

Takero (pensamento): Nossa ela é tão bonita, simpática, seus cabelos são tão bonitos, seus olhos são tão cheios de vida, sua...

*Amigos de Takero batem na sua costa*

Amigo #1: Ei! Takero! Vamos logo para sala!

Amigo #2: O intervalo já acabou, vamos logo.

Takero (pensamento): O quê?! Mas, passou tão rápido. Eu fiquei me decidindo tanto que o intervalo passou e eu nem pude ir falar com ela. Com esse, já é o 465° vez que eu perco a chance de falar com a Yukiko.

*Na sala, Takero chega e repara que Yukiko está sentada na sua carteira*

Takero (pensamento): Yukiko?! Ela chegou mais rápido na sala dessa vez. Vou ter a chance de passar do lado dela. Sentir aquele perfume e doce aroma que sai da sua pele...

*Takero passa do lado de Yukiko. Câmera lenta*

Takero (pensamento): Isso! Isso! Como sua aura é relaxante, sua delicada presença me deixa atordoado.

*Yukiko nota Takero *

Yukiko: Hm... Olá, Takero!

*Takero fica paralisado e começa a suar*

Takero: Errr... Olá!

*Ele passa por ela*

Takero (pensamento): Que tipo de homem eu sou! Volte lá e fale com ela! Tome o controle e faça!

*Takero se vira para Yukiko*

Takero: Err... Yukiko!

*Ela se vira com aquele olhar simpático e sorriso nos lábios. Takero novamente trava e começa a suar*

Takero: Err... Bom, é q... Err...

Yukiko: Sim? Takero Acho que não estou te entendendo.

Takero (pensamento) : Controle! Controle, respire, pense e fale!

Takero: É que... Queria saber se voc...

*Uma sombra imensa aparece atrás de Takero. Takero olha para trás, é o seu professor*

Professor: Takero!! Pare de tagarelar e volte para seu lugar!

Takero: Sim, professor.

*Takero sentado na carteira*

Takero (pensamento): Droga, eu sou um fracasso com as mulheres...

*Takero sentado numa cadeira do trem do metrô. Até que o celular da pessoa que esta do lado dele cai. Takero pega o celular*

Takero: Aqui, seu celul...

*O celular era de uma garota, ela olha para ele*

Garota: Obrigada. Hmm, você não estuda no Colégio Tagiji?

*Takero começa a suar*

Takero: Ah...err... isso mesmo! Eu estudo sim!

Garota: Oh! Sabia que já tinha te visto, eu também estudo lá.

Takero: Err... Que bom! Isso é muito bom! Quer dizer, eu acho... Acredito que sim...

Garota: hahaha!

Takero (pensamento): Droga! Ela esta rindo, ela deve achar que eu sou algum idiota. Eu não consigo para de suar! Droga, o que eu faço? O que eu faço?

Garota: Me chamo Mizumi, qual é o seu?

Takero: Hãn... Eu sou Takero.

Mizumi: Você está bem?

Takero: AH! Claro! Melhor impossível! HAHAHAHAHA!

Takero (pensamento): Idiota! Para de rir igual um maníaco! Se controla!

Mizumi: Você mora em qual bairro?

Takero: Ah.. No..No bairro de Nibori.

Mizumi: Nossa! Eu também! Moramos perto um do outro e nunca nós vimos, deve ser porque eu me mudei esse ano por causa do novo emprego do meu pai e também....

Takero (pensamento): Lembra da dica N° 27 do manual de como se comunicar com mulheres! Dizia: “Quando elas se sentem a vontade, elas gostam de falar. Então, mantenha o papo acesso com uma balançada de cabeça pra cada coisa dita e confirme dizendo alguma coisa” Então só tenho que ficar aceitand...

Mizumi: Então? Takero, o que acha?

Takero (pensamento): Droga! Fiquei tão concentrado em me lembrar da dica que não entendi nada do que ela disse. E agora? O que eu digo? Posso estragar tudo só com essa resposta.

Takero: Err..Bom... Na verdade, eu...

*A porta do trem abre*

Voz: Estação de Kozuma.

Takero: Eu tenho que descer aqui! Até mais!

*Takero esta em uma rua*

Takero: Droga! O que deu em mim! Por que eu não consigo?!

*Takero olha para uma placa, e tem o símbolo de uma lápide, embaixo escrito: Cemitério Kozuma*

Takero (pensamento):Cemitério Kozuma...É mesmo... É onde meu irmão descansa.

Takero: ...Tenshi...

Takero (pensamento): Hoje faz 1 ano que você morreu...

*Incia um Flash Back*

Tenshi: Ei, Takero! Vamos a uma festa do pessoal da minha sala quando eu chegar dessa viagem, ok?

Takero: Mas, eu não sou da sua sala e também não conheço ninguém de lá... Acho que não vou não...

*Tenshi passa o braço pelo pescoço do irmão*

Tenshi: Ora, eu sou seu irmão mais velho! Bom, alguns segundos mais velho, mas eu sou! Você vai comigo e pronto.

*Tenshi pega uma mala do chão e acena, sorrindo*

Tenshi: Até mais, Takero.

Takero (pensamento): Ele nunca mais voltou dessa viagem.

*Fim do Flash Back*

Takero: (pensamento): Se pelo menos... Pelo menos Tenshi estivesse aqui, ele saberia o que fazer... Saberia como me ajudar.

*Takero esta no cemitério Kozuma, em frente de uma lápide*

Takero: Irmão, como vai? Só vim aqui pra dizer um “oi”...

*Takero se afasta, mas volta depois*

Takero: Na verdade, vim aqui pra pedir sua ajuda! Minha timidez, minha fobia com garotas, EU QUERO ACABAR DE VEZ COM ESSE MEDO! Você sempre me apoiou... Sempre cuidou de mim... Você sempre sabia o que fazer e dizer... Mesmo nós sendo irmãos gêmeos, parecidos por fora... Mas, muito diferentes por dentro.

*Takero cerrar os punhos*

Takero: Por favor, irmão, eu...EU QUERIA QUE VOCÊ ESTIVESSE AQUI COMIGO! PRA ME AJUDAR! Como você sempre fez...

*Takero se vira pra ir embora, até que ele escuta uma voz*

Voz: ...~~ Takero~~...

*Takero se vira e olha ao redor, não a ninguém*

Takero: Oi? Tem alguém aí?

Voz: ...~~Takero~~...

*Takero olha pra lápide e se aproxima*

Takero: Hmm....

*Até que o espírito do seu irmão surge da lápide*

Tenshi: TAKEROOOOO!!!

Takero: AAAAAAAAAHHH!!

*Tenshi vem pra cima de Takero e o abraça*

Tenshi: Irmããão! Você veio me ver!!

Takero: AAAHHH! Fica longe de mim!!! Socorrooo!!

*Takero cai no chão*

Tenshi: Takero! Sou eu! Tenshi, seu irmão.

Takero: Mas, você esta morto! Não era pra você estar aqui.

Tenshi: Foi você que me chamou, oras! Agora estou aqui pra te ajudar.

Takero: Isso só pode ser um sonho. Nada disso é real...

*Takero faz uns movimentos estranhos como se estivesse perdendo a lucidez e desmaia*

Tenshi: Ei! Takero! Acorda! Acorda logo, cara!

*Tudo fica escuro. Takero acorda no seu quarto, deitado na cama*

Takero: Ahh! Foi tudo um sonho, não tinha como Tenshi estar...

*Tenshi está em uma cadeira*

Tenshi: Yo!

Takero: AAAAAAHHH!

Tenshi: Ei, mano! Você esta começando a gritar feito uma menininha agora.

*Takero arremessa um travesseiro em Tenshi, mas ele o atravessa*

Takero: Maldito! Quem é a menininha aqui!

*A mãe de Takero entra no quarto*

Mãe de Takero: Filho, que barulho é esse? Esta tudo bem?

*Takero começa a apontar em direção a Tenshi*

Takero: HÁ! MÃE! ALI! OLHA!

Mãe de Takero: Sim, Takero, estou vendo.

*Ela começa a andar em direção a Tenshi, se abaixa e pega o travesseiro do chão. O corpo de Tenshi a atravessa*

Mãe de Takero: Toma seu travesseiro. Descanse, você chegou hoje chorando em casa. Eu sei que você sente muita falta dele, todos nós sentimos. Sei que onde quer que ele esteja agora ele está olhando por nós.

*Tenshi continua sentado na cadeira, com semblante sério e triste. A mãe de Takero sai do quarto*

Takero: Ela não te viu...

Tenshi: Ela não pode me ver, nem me ouvir e nem me tocar. Só você.

Takero: Ela disse que eu estava chorando... Mas não me lembro disso.

*Tenshi se levanta da cadeira e fica olhando pela janela*

Tenshi: Desculpa, isso foi eu... Quando você desmaiou no cemitério, tive que possuir seu corpo para te trazer aqui. Mas, quando eu olhei a nossa mãe.... Eu não consegui segurar as lágrimas.

*Silêncio no quarto. Tenshi se vira para Takero e vem pra cima dele*

Tenshi: AAAAHH! TAKEROOO! ISSO É TÃO TRISTEE! ME DÁ UM ABRAÇO DE IRMÃOOO!

*Takero dá um soco em Tenshi*

Takero: Quem é que tá parecendo uma menininha agora, hein!!

Tenshi: Ugh! Irmão isso doí...

Takero: Por que você esta aqui, Tenshi?

Tenshi se levanta e toma a pose de um super herói*

Tenshi: Eu já disse, eu estou aqui porque você me chamou. Estou aqui para te ajudar com seu problemaAaAaAaA!

*Takero dá um tapa na cabeça de Tenshi!

Takero: Maldito, deixa de brincadeira!!

Tenshi: Pare de me bater!! Eu estou falando a verdade!!

Takero: Então fale de um jeito sério isso!!

*Tenshi senta novamente na cadeira*

Tenshi: Logo depois do acidente, tudo ficou branco. Só escutava uma voz e ela dizia: “Tenshi, você ainda não pode passar para o próximo plano, você ainda tem uma missão no plano terreno.”

Takero: Uma missão?

Tenshi: Isso mesmo. E a voz disse mais uma coisa, ela disse: “Pra ir para o plano superior você terá que completar essa missão, caso contrário, vagará pela Terra por toda a eternidade” então, depois de um tempo, tudo ficou calmo até que eu vi você me chamando.

Takero: Então, você precisa me ajudar no meu problema para poder seguir seu caminho espiritual?!

Tenshi: YEEAAHH!! E ainda vou poder passar um tempo com meu maninho!!Estou tão feliz por isso!! ME DE UM ABRAÇO, IRMÃOOO!!

*Tenshi vai pra cima de Takero*

Takero: Ei! Tenshi! Para! Tenshiii!! TENSHII!!

Ver perfil do usuário

#2 Re: SOS Love Spirit (roteiro) em 23/8/2012, 12:44 am

goldslash

Usuário Nível 4
Usuário Nível 4

avatar
"Takero (pensamento): Lembra da dica N° 27 do manual de como se comunicar com mulheres! Dizia: “Quando elas se sentem a vontade, elas gostam de falar. Então, mantenha o papo acesso com uma balançada de cabeça pra cada coisa dita e confirme dizendo alguma coisa” Então só tenho que ficar aceitand...
Mizumi: Então? Takero, o que acha?"

Gostei dessa parte.

Sobre a historia a parte da lapide tava engraçada. Mas acho q vc ratiou sobre o desmaio... Preferia assim(opiniao e-e), o fantasma começa fazer coisass pra mostrar q n é real, sei lá oq vier na sua cabeça... Ele sai voando da lapide e tenta roubar uma velha , se atirar na frente do cara(lokão, estilo GTA), KK qualquer coisa q fique engraçado.
Pra ele desmaiar usa outra coisa... =/

Se vc quer um "super cap" hehe, teria q refazer as partes finais.
Mas tá bomzinho.

Se pegar a ideia bem geral da coisa... Seria um irmão gemeo q morreu vai ajudar o outro o.O, se for isso é bem pensado mesmo, gostei dessa ideia tem muito oq aproveitar ainda.
Pra adicionar comedia ele pode dar dica errada.

Boa sorte.

Ps: não passou 1 semana, pasou 6 dias e 16 hs.

Ver perfil do usuário

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum