Inventaku
Olá,

Seja bem-vindo a Inventaku .

Caso queira se registrar, clique em ''REGISTRAR-SE''
Se ja for membro clique em ''LOGIN''.

Agradecemos pela visita.

Boa diversão!!
Inventaku

Onde a Criação não tem limites .

Relogio
Parceiros

Parceiros







Membros mais ativos

Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

#1 One More Chance (one-shot) em 2/9/2012, 12:58 pm

Dariks

Usuário Nível 6
Usuário Nível 6

avatar
Sinopse:

Peter é acordado no meio de uma floresta por uma mulher um tanto especial,
além de parecer ele em forma de mulher, ela está totalmente nua. Então ela
revela ser algo muito próximo de Peter, algo que só pode existir junto à ele.
Separados agora, os dois tentam encontrar a grande árvore na enorme flo-
resta e se conectarem novamente.

One More Chance:



Página 1

Um homem, de nome Peter, com roupas sujas e meio rasgadas está deitado no chão de uma floresta.
Ele acorda com alguém cutucando o seu rosto com um graveto.

- Ahh!! – ele assusta se olhando a imagem à sua fente
Uma linda, de olhos azuis brilhantes, como o dele, cabelos castanhos claros, como os dele, e uma pinta próxima ao olho esquerdo, como nele, estava despida e sorrindo à sua frente.

- Quem é você?! E por que?... – ele se perde olhando para o lindo corpo nu dela, se levanta e dá uma conferida
A moça o olha como se nada de anormal estivesse acontecendo.

Página 2

Agora ele olha como o rosto bem próximo do dela.

- Moça, onde estão suas roupas?... Ahh, por que eu estou me preocupando com suas roupas?! Onde eu estou? Quem é você? – ele a olha procurando resposta e ela a olha com um olhar inocente.

Ela dá três batidas, com a mão fechada, bem na cabeça dele, como se batesse em uma porta.
Ele fica meio que surpreso, mas presta atenção no resultado da batida.
Ouve um eco dentro de si, como se estivesse vazio.

- Me sinto vazio – diz ele bem baixinho colocando a mão no peito e olhando para baixo -...
Ele retorna o olhar para a moça.

- Não vá me dizer que... – diz ele com os olhos arregalado.
Página 3

- Eu sou sua alma – diz a linda moça, inclinando sua cabeça para o lado e com uma voz que demonstrava convicção.

Peter se afasta um pouco.

- Como você pode ser minha alma?!
- Assim como eu sou.

Tem-se um silêncio.

- Mas isso não é possível, se você é minha alma devia estar aqui dentro de mim! – diz ele apontando pra si mesmo.
Página 4

A floresta é mostrada de cima, eles estão em uma clareira. Ao torno deles há diversos tipos de árvores, flores e insetos.

- Por algum motivo eu fui separada do meu corpo, de você. E agora nós devemos entrar na boca da grande árvore e assim seremos conectados novamente. – diz a moça de voz doce
- Então você está me dizendo que você é minha alma e temos que encontrar uma única árvore nessa floresta para que possamos entrar nela e sermos “conectados” novamente?
- Exatamente, Peter.

Peter olha pra cima e suspira.

Página 5

- Da última coisa que me lembro antes dessa floresta é de ter tido um enfarto e estar deitado em uma cama de hospital... – diz ele a si mesmo -... Será que eu perdi a memória?
- O que você está cochichando sozinho ai Peter?
- Não, nada. Vamos andar até essa tal árvore.
- Sim! – diz a moça dando um salto.
Peter fica vermelho ao olhá-la fazendo aquele gesto.
- Tá! Vamos caminhando...

Eles andam em direção a uma trilha.

Página 6

É mostrado o céu.
Agora algumas flores que nascem no topo das árvores.
Página 7

É mostrada a floresta.
Folhas de árvores já extintas há muitos anos atrás.
Pássaros, como Araras, Tucanos, etc.

Página 8

Visão de cima de eles caminhando pela trilha.

- Ei moça, como se chama? – diz Peter à sua alma
- Por que eu haveria de ter um nome? Já viu alguém chamar uma alma? – responde ela com toda a sabedoria.
- Tá bom então... É... Qual a sua idade então?
- Ah, depende muito do ponto de vista, mas se você prefere, eu tenho a sua idade.
- 26 então?
- Não, 28 anos.
- Aff, não consigo pegar nenhuma falha dela... Será que ela é minha alma mesmo... Não!

Página 9

Eles continuam caminhando. Como antes, ela na dianteira.

- Ei moça, como que eu vim parar aqui? – puxa conversa ele novamente.
- Como você acha que veio parar aqui?
- Ah... Eu acho que essa é uma das florestas do Canadá que minha esposa e eu queríamos ir. Depois que eu me recuperei do enfarto, nós arrumamos nossas malas e viemos fazer um passeio, então eu me perdi e um galho caiu e acertou minha cabeça, fazendo eu perder um pouco da minha memória...
- Uhm... Deve ser isso mesmo...
- Eu acho que a mesma coisa aconteceu com você, mas só que você ficou maluca e ficou achando que era a alma dos outros... – pensa Peter.

Página 10

Eles andam mais um pouco e chegam a uma parte que a trilha se divide.
Eles tinham que escolher entre direita ou esquerda.

- Vamos pela direita! – diz Peter
- Não! Vamos pela esquerda! – diz a moça
- Desde quando uma maluca nudista, dizendo-se ser a alma dos outros, sabe qual lado devemos seguir?
- Desde quando alguém que se perde de sua esposa e é acertado na cabeça por um galho, sabe que lado devemos seguir?
- Ah... – ele se cala e ela segue pelo caminho da esquerda. Ele a segue. – Maldita que sempre vence meus argumentos – pensa ele
Ele empurra a placa que indica os caminhos.

Página 11

A placa cai no chão, e nela está escrita uma palavra: “Esquerda”.

Eles caminham uma pouco mais.
Peter falando várias coisas e se embola em uma teia de aranha, caindo no meio do mato. E ela rindo dele.

Página 12

Ele pega uma flor e mostra para ela.
Ela dá uma cheirada e logo um espirro.
Ele cai em cima de uma planta com espinhos e sai correndo

Página 13

Eles ainda caminham...

- Nossa! Já estamos caminhando há horas! Tem certeza que é pra cá que a tal árvore fica? – diz Peter com cara de exausto.
- Claro que sim. É logo depois de atravessarmos a ponte do rio. – diz a moça.
- Eu acho que pelo lado direito era bem mais rápido, não era não?
- Então volta e vai pelo lado direito.
- Maldita me venceu de novo – pensa ele.

Um pintinho, bem gordo e grande, atravessa o caminho deles.
A moça corre em direção.

- Own, que fofo! - ela se abaixa e estende a mão para cariciá-lo.
- Não toca nele! – grita Peter.
Ela e o pintinho o olham.

Página 14

- Mas por quê? – pergunta ela.
- Isso não é uma ave!
- Ih, estou achando que sua estória está começando a fazer sentindo, a pancada do galho foi forte mesmo hein!
- Eu estou falando sério! Desde quando filhotes de galinha tem 3 patas?
Ela olha para o pequeno animal e percebe o defeito.
A moça pula para trás e vai se afastando.
- Ah, droga! Maldito humano! – diz o pintinho com uma voz muito grossa pra seu tamanho.
Ele começa a se distorcer e se transformar.
A moça corre para trás de Peter.
Logo, o que antes era pintinho, se transformou em uma pessoa com olhos e nariz pequenos, e uma boca que se estendia de uma orelha à outra.

Página 15

- Droga! É o devorador de almas! – grita a menina.
- Devorador de almas?! Então ela é realmente uma alma?! – pensa Peter assustado.
- Me passa logo a garota! Ela parece bem deliciosa...! – diz o devorador
Peter dá uma boa olhada na moça.
- Ei! Mais respeito com a minha alma!
O devorador dá um berro potente.
Eles então começam a corre pela trilha, e o devorador atrás.
Correm muito rápido, com Peter segurando a moça pelas mãos.
E então eles param e descansam.
- Despistamos? – diz Peter ofegante
- Sim, despistamos – diz a moça nem tão ofegante assim.

Página 16

Eles olham para o lado e vêem a ponte, e logo mais à frente a árvore que parece estar com a boca aberta.
- Conseguimos! – diz Peter e a moça ao mesmo tempo.
Eles correm de mãos dadas passando pela ponte, que logo após que eles passam ela arrebenta.
Eles nem percebem.
Chegam em frente à arvore.
- É... Primeiro as damas... – diz Peter, muito feliz.
A moça dá um sorriso e entra na árvore.
- Agora é minha vez!
Então a árvore fecha a boca e mastiga.
- O que?! – pensa Peter paralisado.
Árvore começa a se contorcer.
Página 17

É mostrada a face do devorador.
Ele esboça um sorriso satisfatório e lambe os lábios com aquela língua imensa.
- Ela era bem gostosa mesmo! – diz ele logo depois de dar um arroto
- Seu... Seu... Ah!! – as lágrimas descem pelos olhos de Peter e ele se lembra do rosto da moça sorrindo.

Peter lança seu punho em grande velocidade e em direção ao rosto do tal devorador de almas.
Mas sua mão o atravessa. Peter cai ajoelhado no chão.
- Mas o que houve? – Peter olha para suas mãos.
Elas estão desaparecendo aos poucos.
- Sem sua alma você não existe! – diz o devorador e logo solta uma gargalhada.
Peter cai no chão.

Página 18

Ele vai fechando os olhos pouco a pouco e tudo a sua volta vai se tornando branco.
Ele desaparece.
Tudo fica totalmente branco.

Agora aparece um quando de hospital e uma moça está sentada em uma cadeira ao lado de uma cama, onde um homem está deitado.
A mulher está debruçada sobre ele.
Os bips, que estavam seguidos, aceleram-se e tornam-se um único bip, indicando a parada cardíaca do homem.
A mulher se desespera e sai correndo até a porta.
“Enfermeira!!”, grita ela.
O rosto do homem é mostrado. Peter ele é.

Página 19

Os enfermeiros entram no quarto, e começam a dar descargas elétricas com o desfibrilador no peito de Peter. Nenhum resultado é conseguido.
Massagem cardíaca é testada, mas nada.
Os médicos tentam de qualquer jeito reanimar o paciente, e outros tentam segurar sua esposa que se debate desesperada...
A câmera vai se afastando...
Mostra-se a janela do hospital, o hospital, alguns prédios ao torno do hospital...

Página 20

É mostrada a visão panorâmica da cidade.
“Nem todos conseguem aproveitar a chance extra que lhes é dada...”

Ver perfil do usuário http://dakayaroshy.blogspot.com

#2 Re: One More Chance (one-shot) em 4/9/2012, 8:04 pm

Dariks

Usuário Nível 6
Usuário Nível 6

avatar
Corrigi os erros, agora tá tranquilo Cool

Critiquem à vontade Like a Star @ heaven

Ver perfil do usuário http://dakayaroshy.blogspot.com

#3 Re: One More Chance (one-shot) em 4/9/2012, 9:23 pm

Mr Chaos

Usuário Nível 5
Usuário Nível 5

avatar
poxa cara eu esperava um final feliz Sad

Ver perfil do usuário

#4 Re: One More Chance (one-shot) em 4/9/2012, 10:15 pm

Dariks

Usuário Nível 6
Usuário Nível 6

avatar
Mr Chaos escreveu:poxa cara eu esperava um final feliz Sad

kkkkkkkk Essa era intenção. Já que o outro que eu enviei pro concurso teve um final feliz, ai esse tinha q ser do mal kkkk E acabou que esse ficou acima do outro kkk

vlw por comentar Very Happy

Ver perfil do usuário http://dakayaroshy.blogspot.com

#5 Re: One More Chance (one-shot) em 7/9/2012, 9:24 pm

BarãoVermelho

Administrador
Administrador

avatar
Cara a historia foi muito envolvente , de tal forma que quando o monstro comeu a moça eu me senti um pouco "incomodado"; Eu gostei do final , mais acho que poderia ser melhor elaborado... Você poderia "conectar" os devoradores de alma com alguma coisa da realidade, e se “Nem todos conseguem aproveitar a chance extra que lhes é dada...” ,eu particularmente acho que essa frase combina mais para quem já Errou no passado, e a vida lhe da outra chance, isso não significa que ele tenha de conseguir , apenas que isso tenha sentido sacas ?
Mais isso são apenas opiniões pessoais, acho que valeu apena ter vindo aqui e ter lido, não me arrependo nada


__________________________________________________________________________________________________
Olho por olho e o mundo terminará cego
Ver perfil do usuário

#6 Re: One More Chance (one-shot) em 7/9/2012, 9:30 pm

Dariks

Usuário Nível 6
Usuário Nível 6

avatar
BarãoVermelho escreveu: Cara a historia foi muito envolvente , de tal forma que quando o monstro comeu a moça eu me senti um pouco "incomodado"; Eu gostei do final , mais acho que poderia ser melhor elaborado... Você poderia "conectar" os devoradores de alma com alguma coisa da realidade, e se “Nem todos conseguem aproveitar a chance extra que lhes é dada...” ,eu particularmente acho que essa frase combina mais para quem já Errou no passado, e a vida lhe da outra chance, isso não significa que ele tenha de conseguir , apenas que isso tenha sentido sacas ?
Mais isso são apenas opiniões pessoais, acho que valeu apena ter vindo aqui e ter lido, não me arrependo nada

vlw por ler cara Cool Cool

Tipo que o fina e o lance da frase era tipo assim: O cara tava em coma, ai era uma tipo de teste, q se ele realmente conseguisse achar a árvore certa ele se recuperaria. Mas se o devorador comesse a alma dele, seria como se ele cedesse a morte, não necessariamente devorou a alma dele de verdade...

Mas obrigadão pela dica cara Very Happy

Ver perfil do usuário http://dakayaroshy.blogspot.com

#7 Re: One More Chance (one-shot) em 18/9/2012, 3:26 am

goldslash

Usuário Nível 4
Usuário Nível 4

avatar
Também levando o feed em conta, essa vc ganhou 5º né??
A outra foi 2º. E realmente a outra teve um plus a mais e ficou foda.

To em dúvida, vou deixar B tb...
Só pra vamos dizer balancear as historia. E assim até pelo feed e taus, vc sabe as tops e as quase top.

Fala comigo manolo.

Ver perfil do usuário

#8 Re: One More Chance (one-shot) em 18/9/2012, 6:41 pm

Dariks

Usuário Nível 6
Usuário Nível 6

avatar
goldslash escreveu:Também levando o feed em conta, essa vc ganhou 5º né??
A outra foi 2º. E realmente a outra teve um plus a mais e ficou foda.

To em dúvida, vou deixar B tb...
Só pra vamos dizer balancear as historia. E assim até pelo feed e taus, vc sabe as tops e as quase top.

Fala comigo manolo.

Não, não cara, esse ai ficou em 2º lá, o outro que ficou em 5º ou 6º, o World of Masked Man Cool vlw

Ver perfil do usuário http://dakayaroshy.blogspot.com

#9 Re: One More Chance (one-shot) em 3/10/2012, 8:08 pm

tweek

Usuário Nível 2
Usuário Nível 2

avatar
Brilho mtoo bom gostei pacas

gosto mto da sua escrita acho bem simple porem complexa @.@ kkk (talvez só eu entenda essa loucura)

me envolveu bastante a historia ^^
me acertou em cheio...amooo bad endings >.<

ganhou um fã Very Happy

Ver perfil do usuário

#10 Re: One More Chance (one-shot) em 3/10/2012, 8:19 pm

Dariks

Usuário Nível 6
Usuário Nível 6

avatar
Arigatogosaimashita, Furuya-kun... Eu tmbm gosto de bad endings Very Happy

Ver perfil do usuário http://dakayaroshy.blogspot.com

Conteúdo patrocinado



Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum